sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Dois Mil e Onze

Dois mil e onze, chega ao final

Para alguns foi só felicidade
Outros, não querem nada igual
Apenas esquecer alguma fatalidade.

Novamente se renova as esperanças
Desejos de saúde, paz e amor
Sonhar com as mudanças
E brindar o novo ano com fervor.

E aquela dúvida, o que vestir?
Que simpatia fazer, onde ir?
Em casa, montanha, praia ou velejo,

Ah! Tantas dúvidas, tanta incerteza,
Na virada do ano, ri ou chora de tristeza
Na realidade, somente ser feliz é o desejo.

Iracema Patrício

Feliz 2012 para você e sua família...
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário