domingo, 10 de junho de 2012

De Mim Para Ti

Parto de mim para ti agora

Viagem com sabor de despedida
Apenas um adeus e vou embora
Foste a última esperança em minha vida.

Amor triste amor que agora finda
De sonhos somente não vive o amor
As migalhas que teimam em ficar ainda
O tempo se encarregará de apagar tanta dor.

Os dias que esse sonho acalentei
Percorri caminhos e encontrei
Os encantos do amor que hoje partirá
Como passarinho outro ninho te abrigará.

Parto agora para nunca mais
De mim ouvir falar e de ti jamais
Sentir uma esperança florescer
E como o vento no tempo me perder.


Iracema Patrício